Moradora de Itapevi morre com sintomática de coronavírus

2395
- Publicidade -

Resultado dos exames do Instituto Adolfo Lutz sobre a confirmação ou não da morte por coronavírus ainda não foi divulgado

Uma moradora de Itapevi morreu na tarde de quinta-feira, 19/3, com sintomas de coronavírus (Covid-19). O exame do Instituto Adolfo Lutz para confirmar ou não a morte devido a doença ainda não foi divulgado.

A mulher, uma babá de 60 anos, começou a passar mal na sexta-feira, 13/3, e foi encaminhada ao hospital Cardoso na cidade, onde foi medicada e liberada. Na terça, 17/3, ela piorou e voltou ao hospital. O primeiro diagnóstico apresentado foi infecção urinária, mas após um exame de tomografia, foi apontado indícios de ser coronavírus.

A vítima foi transferida ao Pronto Socorro Central de Itapevi, entubada e solicitada transferência ao Hospital das Clínicas, em São Paulo. Porém, antes da transferência, ela sofreu uma parada cardíaca e morreu. Cinco pessoas da família que a babá teve contato estão isoladas em uma casa em Jandira.

O corpo da idosa foi encaminhado ao Serviço de Verificação de Óbito (SVO), em Osasco, que é responsável em liberar os corpos de vítimas confirmadas ou suspeitas do Covid-19.
A prefeitura Itapevi divulgou nota nas redes sociais informando a morte da moradora no Pronto Socorro Central da cidade com ‘sintomática do coronavírus’. A nota reforça que o Instituto Adolfo Lutz ainda não divulgou resultados dos exames.
De acordo com o último boletim epidemiológico da prefeitura, liberado na quinta-feira, 19/3, Itapevi conta com 43 casos em investigação com isolamento domiciliar, três casos descartados, nenhum confirmado e uma morte com suspeita de coronavírus.
- Publicidade -