Bandidos utilizam pedras e pregos para assaltar motoristas na Castelo

2946
- Publicidade -

Polícia Rodoviária informou que de 1/11 a 12/12 pelo menos três casos do tipo foram registrados nos km 14 e 17 da via, na região de Osasco

Criminosos estão utilizando pedras e pregos para roubar motoristas que passam entre os km 14 e 17, sentido Capital, da Rodovia Castelo Branco, na região de Osasco.

Os relatos dão conta de que os bandidos jogam pregos e pedras na via na intenção de furar os pneus ou pararem os motoristas que passam no local para assaltá-los. Na segunda-feira, 9/12, ao menos cinco pessoas relataram ter sido roubadas. Um motorista, inclusive, teria perdido o controle do veículo e batido na mureta, sendo assaltado em seguida.

O Barueri na Rede procurou a CCR ViaOeste, concessionária que administra a rodovia. Em nota, a empresa afirmou que ‘a segurança pública é um serviço não delegado à concessionária, conforme estabelecido no contrato firmado junto ao Poder Concedente’.

A companhia explica que possui um Centro de Controle Operacional, que funciona 24 horas por dia e que opera continuamente com a presença de policial militar rodoviário e que diante de ocorrência de segurança pública, ‘os usuários podem entrar em contato com o serviço de atendimento gratuito – 0800 701 5555, o qual será direcionado para o policial que estará de plantão na sala de controle’.

Por meio de nota encaminhada pela Polícia Militar ao BnR, a 4ª Cia do 5° Batalhão de Polícia Rodoviária informou que no período de 1/11 a 12/12 foram registrados três delitos na região do km 14 ao 17 e que ‘tais acontecimentos já foram levados também ao conhecimento da concessionária responsável pela manutenção, iluminação e sinalização pública’.

A nota afirma ainda que por meio de policiamento com o emprego de viaturas, Tático Ostensivo Rodoviário, Rocam e policias em horário de folga remunerada, ‘tem intensificado ações de Policiamento Ostensivo Preventivo/Repressivo atuando tanto na prevenção de crimes como em acidentes de trânsito’. Por fim, o órgão de segurança diz que o local citado é ‘constantemente patrulhado por viaturas que atendem a extensão da malha viária da Rodovia Presidente Castelo Branco (SP-280)’ e que em caso de emergência, deve-se acionar o Policial Militar mais próximo ou ligar no telefone de emergência 190.

- Publicidade -