Prefeitura inicia onda de demissões de comissionados

7113

Centenas de servidores de várias áreas estão sendo desligados nesta segunda-feira em posto montado no Centro de Eventos

p1090826
Funcionários foram enviados a posto montado no Centro de Eventos/Fotos: Barueri na Rede

 

A prefeitura começou nesta segunda-feira, 2/1, o processo de demissão de funcionários comissionados. Servidores de diversas áreas foram enviados logo no início do expediente ao posto montado no Centro de Eventos, na Vila Porto, para a efetivação dos desligamentos.

A administração só fornecerá números e detalhes no final da tarde. Fontes ligadas à gestão, no entanto, afirmaram ao Barueri na Rede que o número de demissões poderia chegar a 1,2 mil hoje, mas que os desligamentos continuarão ocorrendo durante o mês. No entanto, muitos boatos circularam durante o dia.

O BnR confirmou demissões nas secretarias de Cultura, Esportes e Educação e no Ganha Tempo. No Jurídico e na área de Informática não havia nenhuma movimentação até o fim da manhã, mas funcionários afirmaram ter sido informados que haveria cortes nos dois setores.

Um grupo de servidores tentou articular uma audiência com o prefeito Rubens Furlan, mas não foi bem sucedido.

Rubens Furlan tem dito desde a campanha eleitoral de que seria necessário promover uma drástica redução dos gastos com pessoal para equilibrar as finanças públicas. Ele afirmou que, além de demissões, devem ocorrer cancelamentos de contratos com empresas terceirizadas. Na sua cerimônia de diplomação, ele voltou ao tema (Leia reportagem aqui: Furlan: “redução de gastos com pessoal é urgente”).

Ao mesmo tempo, a prefeitura tem que cumprir um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com o Ministério Público (MP) que determina o corte de quase 3 mil vagas comissionadas do quadro de funcionários (Mais detalhes: Onda de desligamentos na prefeitura pode atingir até 3 mil funcionários). Nos últimos meses da gestão de Gil Arantes foram feitos desligamentos pontuais, mas em número muito menor ao previsto no acordo com o MP.