Novo coronavírus: confirmado primeiro caso em Carapicuíba

4215
- Publicidade -

Boletim deste sábado aponta 65 casos do novo coronavírus, sendo 62 na capital e um em Ferraz de Vasconcelos, Santana de Parnaíba e Carapicuíba

A Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo divulgou um boletim sobre os casos confirmados do novo Covid-19 e Carapicuíba apresentou o primeiro resultado positivo. Sem identificar dados do paciente, esse caso, no bairro da Granja Viana, soma-se aos outros 64 em todo o estado – sendo que na região houve registro de um em Santana de Parnaíba, um em Osasco.

Em uma publicação no facebook, a prefeitura de Carapicuíba informou que o caso ‘foi inicialmente acompanhado pela Vigilância Epidemiológica de Cotia, pois a pessoa mora num condomínio que faz divisa entre as duas cidades’, mas que ao ser identificado o local onde o paciente mora, a informação foi repassada à Secretaria de Saúde do Estado, e que ‘partir de então, a Vigilância Epidemiológica de Carapicuíba está acompanhando o caso’.

A nota informa ainda que a pessoa que contraiu o coronavírus voltou de viagem da Itália e Espanha e já passou por avaliação em um hospital particular na cidade de São Paulo. O paciente está em monitoramento domiciliar.

Em Barueri, apesar das suspeitas, até o momento nenhum caso foi confirmado, mas o resultado positivo do novo corona vírus de um adolescente de 13 anos, morador do residencial 11 do Alphaville (relembre),  tem gerado confusão entre moradores da região, mas já é município de Santana de Parnaíba.

As autoridades reforçam que a melhor maneira de evitar contágio, que já foi classificado como transmissão comunitária, é evitar locais com aglomeração de pessoas, fazer a higiene das mãos com água e sabão ou fazer o uso de álcool em gel, ao tossir ou espirrar proteger com o braço ou com lenços descartáveis, não compartilhar objetos pessoais, manter ambientes limpos e arejados. De acordo com o governo do estado, o uso de máscaras deve ser feito apenas por quem está doente e por profissionais da saúde.

LEIA COBERTURA COMPLETA SOBRE COVID-19 EM BARUERI

 

 

- Publicidade -