Itapevi foi a cidade mais atingida da região

548
- Publicidade -

Cidade teve vários bairros alagados, 5 mil pessoas foram atingidas pelas inundações e houve duas mortes numa casa que desabou

Itapevi foi a cidade da região que mais sofreu com as enchentes desta sexta-feira (11/3). Milhares de pessoas foram atingidas, bairros ficaram alagados, houve deslizamentos de terra em vários pontos, ligações entre regiões da cidade ficaram interditadas e duas pessoas morreram.

De acordo com a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil de Itapevi, cerca de 5 mil residências foram afetadas pelas inundações. O Corpo de Bombeiros trabalhou durante toda quinta-feira (10/3) no resgate de pessoas ilhadas com botes.

itapevidesliza
Deslizamento de terra em Santa Rita

Os bairros mais prejudicados foram Jardim Dona Elvira, Vitapólis, Amador Bueno, Jardim Sorocabano, Jardim Santa Rita, Bairro Sapiantã e Parque Suburbano, pois todos ficam próximo dos rios Barueri Mirim, São João e Sapiantã, que transbordaram. Áreas do centro também ficaram submersas.

A prefeitura informou que foram registrados pontos de alagamento nas avenidas Rubens Caramez (Centro) e Leda Pantalena (Jardim Sorocabano), nas ruas Dimarães Antonio Sandei e José Michelotti (Cidade Saúde) e Pedro Valadares (Jardim Vitápolis) e na rodovia Engenheiro Renê Benedito Silva (Cohab).

A correnteza do córrego Sapiantã derrubou o muro do Condomínio Mar da Galiléia, na Cohab II, próximo à antiga Munte. O acesso a Ambuitá, sob o pontilhão da CPTM, foi bloqueado.

itapeviambuitá
Passagem de Ambuitá para a Castelo interditada

Na Chácara Vitápolis, uma casa desabou e matou o casal de moradores, Marcos e Alessandra.

No meio da enchente,o autônomo Ademir Gonçalves tentou atravessar uma avenida a nado de um lado para o outro e foi arrastado pela correnteza. Ele apareceu horas depois abrigado num asilo da cidade.

Na manhã deste sábado, muitas áreas ainda estavam alagados e equipes da prefeitura ajudavam no trabalho de coleta de móveis danificados e limpeza de áreas onde as águas já baixaram.

As chuvas que caíram durante a quinta-feira (10/3) e na madrugada de sexta causaram enchentes em quase toda a Grande São Paulo. A cidades mais afetadas foram Mairiporã, Caieiras e Franco da Rocha, por causa da abertura de uma represa da Sabesp que estava para transbordar. Segundo a Defesa Civil estadual, em toda a Região Metropolitana morreram 18 pessoas. Houve mais duas mortes em cidades do interior.

Todas as fotos foram enviadas ao Barueri na Rede pelas leitoras Valquiria Gomes e Marta Maria Gomes do Carmo.

itapevicheiao2
Área próxima ao centro
itapevicheia
Santa Rita
itapevionibus
Trânsito travado na região central
itapevicheiao
Área próxima ao centro
- Publicidade -