FPF põe São Paulo em Mogi e Copinha acaba na Arena

90
- Publicidade -

A FPF decidiu alterar o local do jogo do Tricolor pela quarta fase da Copa SP de Futebol Junior. Com isso, termina a participação de Barueri na competição

taboao-drible
São Paulo fez grande campanha em Barueri, mas se despede da cidade/Foto:Valter Klenk

A Federação Paulista de Futebol mudou de ideia e alterou o local do jogo do São Paulo contra o Rondonópolis-MT pela quarta fase da Copa São Paulo de Futebol Junior, nete domingo (17/1). A partida, que deveria ser realizada na Arena Barueri, onde o Tricolor vem jogando desde o início da competição, será em Mogi das Cruzes. Com isso, acaba a participação da cidade na Copinha.

A FPF não explicou as razões da mudança, uma vez que a diretoria do próprio São Paulo havia declarado que gostaria de continuar jogando na Arena. O regulamento da Copa, no entanto, explica que a definição de locais e horários de jogos é prerrogativa da federação, que leva em conta critérios como interesse da televisão, questões de segurança e recomendações da Polícia Militar.

O São Paulo jogou cinco vezes pela Copinha na Arena neste ano. Foram quatro vitórias e um empate, 17 gols marcados e três sofridos. Nas últimas três partidas houve grande público na Arena, calculado, em média, em 15 mil pessoas. Era esperado número maior do que esse para o jogo do próximo domingo (17/1). Segundo o próprio site da FPF, o Estádio Municipal Francisco Ribeiro Nogueira tem capacidade para 10.380 pessoas e seu recorde de público é 8.528 torcedores.

Barueri esteve para não ter Copa São Paulo este ano, apesar de ser uma das sedes mais tradicionais e está entre as preferidas dos grandes clubes. Corinthians, Palmeiras e São Paulo já atuaram aqui. Para este ano, no entanto, a prefeitura alegou que não pretendia gastar dinheiro para a manutenção de uma sede. Além disso, a cidade não tinha clube com posição no ranking da FPF para disputar a competição. O grupo 17 só foi jogado na Arena porque a diretoria do Audax de Osasco aceitou bancar as despesas. Para 2017,  não há certeza de que a Copinha volte à Arena.

- Publicidade -