Falta de exames e demora de resultado deixa pacientes apreensivos

753
- Publicidade -

Medidas adotadas pelo Ministério da Saúde têm deixado população insegura. Barueri segue os parâmetros nacionais e médicos é quem devem avaliar a necessidade fazer o teste da Covid-19

Nas últimas semanas, o Barueri na Rede tem sido procurado por diversos leitores que estão sendo atendidos nos Pronto-Socorros públicos da cidade e alegam que, em momento algum, é cogitado o encaminhamento para a realização do teste da Covid-19. Além disso, há relatos de pessoas que teriam feito o exame, e apesar de apresentarem os sintomas para o novo coronavírus, foram enviadas para casa e manter isolamento, e desde então não receberam o resultado.

Essas medidas, adotadas nacionalmente seguindo orientações do Ministério da Saúde, tem gerado uma onda de insatisfação e insegurança na população. Uma leitora, de 33 anos, asmática e hipertensa, contou que está há 20 dias com dores de cabeça, dores no corpo e falta de ar.

Ela afirma que já esteve no Sameb duas vezes, e no PS do Jardim Paulista, onde foi receitada com remédios para gripe e fez exames de sangue e urina. Porém, a paciente não foi encaminhada para fazer o exame do coronavírus, mesmo sendo do grupo de risco da doença. “Quero ser diagnosticada e tratada. Não aguento mais ficar sem saber se é coronavírus ou não”, desabafou.

Apesar de estar gerando insatisfação nas pessoas, essa tem sido a conduta padrão adotada nos atendimentos médicos. Ao BnR, a prefeitura de Barueri afirmou que ‘os atendimentos seguem as orientações do Ministério da Saúde e que o médico deve avaliar se é necessário fazer o exame para detectar o vírus’.

Com isso, a solicitação do teste da Covid-19, segundo as medidas do Ministério da Saúde deve ocorrer conforme orientação médica. ‘O médico, após exame presencial do paciente, é que tem embasamento para avaliar se ele se enquadra ou não nos critérios de suspeitos de Covid-19’, completou a prefeitura.

Outra questão levantada pelos leitores têm sido a demora para saírem os resultados do exame de coronavírus. Nesta sexta-feira, 27/3, uma leitora comentou que está desde o dia 17/3 esperando a conclusão do teste, há exatos 10 dias.

Com relação à demora, a gestão municipal tem reforçado nos boletins diários da situação epidemiológica da cidade que deve-se ao laboratório Instituto Adolfo Lutz, que concentra na capital todos os pedidos de análise das amostras do estado. Como a demanda está muito grande, os resultados estão demorando para sair.

Esta semana, o governo do estado de São Paulo anunciou na terça-feira, 24/3, que o Instituto Butantan e 17 laboratórios ligados à USP começariam a atuar na análise dos teste de coronavírus. Com o reforço, os casos poderão ser identificados mais rápido para que os pacientes positivos continuem em isolamento, para evitar novas contaminações.

- Publicidade -