Embola tudo no futebol. Ceará é o novo líder

89
- Publicidade -

Resultados do domingo, 10/7, deixaram três times na dianteira com 19 pontos. Apenas saldo de gols diferencia Ceará, Ganga e Petrolina

P1040905
Clássico é clássico: não faltou disposição para Ganga e Petrolina, mesmo quando o calor baixou o ritmo do jogo/Fotos: BnR

A duas rodadas do fim da fase de classificação, está tudo embolado no topo da tabela do Campeonato Barueriense de Futebol. O Ceará venceu o Sport Aldeia por 4 a 2 e é o novo líder, mas apenas no saldo de gols, pois tem os mesmos 19 pontos do Petrolina, que perdeu as duas últimas partidas, e do Ganga, que vem de quatro vitórias. Os três já se garantiram nos mata-matas.

O Vila do Sapo só precisa de um pontinho e o Comunidade, de dois, para entrar no grupo dos classificados. Assim, cinco times devem disputar três vagas nos dois próximos domingos: GR Olga, América, Genoplastic, Sport Aldeia e Argentino Jrs. O Motoristas já está rebaixado e só um milagre salva o Carajás/Classe A.

P1040916
Ganga conseguiu a quarta vitória seguida e vai embalado para a fase final. Petrolina acendeu a luz amarela

No Maria Helena, o Ganga do Paraíso venceu o Petrolina do Mutinga por 3 a 1 de virada numa partida tensa em que prevaleceu o talento individual. O Ganga começou marcando no campo todo e tentando não deixar o adversário usar seu ponto forte, que é o toque de bola rápido com infiltrações em velocidade. Mas foi justamente assim que o Petrolina encontrou seu gol. Aproveitando descuido da marcação, Geninho abriu espaço na intermediária, avançou livre e deu um passe preciso para Dedé marcar. A tabelinha entre os dois irmãos funcionou mais uma vez.

Perdendo, o Ganga teve que sair mais, dando liberdade para o rubro-negro, que chegou a levar perigo para o gol de Nilmar em duas oportunidades. Mas aos 20 minutos, Ribeirão, que se movimentava muito no papel de articulador, num belo passe por trás da zaga encontrou Rodrigo Mola livre no meio da área para tocar por cima do goleiro Léo e empatar.

Se no primeiro tempo os times erraram muitos passes, no segundo, com o calor, os erros aumentaram. O ritmo de jogo também caiu, o que poderia favorecer o toque de bola do Petrolina que, de fato, parecia que iria controlar a partida. Aos 15, o rubro-negro quase desempatou num grande chute de longa distância de Geninho, que obrigou Nilmar a fazer uma grande defesa.

P1040926
Rodrigo Mola deu trabalho e fez dois gols

Mas aos poucos o Ganga foi tomando conta da partida, comandado por Plínio e Ribeirão e, aos 26, numa jogada pela direita, a bola foi cruzada na área para Rodrigo matar no peito com estilo e fazer um golaço de voleio, seu segundo no dia. O desgaste amarrou os dois times nos minutos finais. O Petrolina passou a apelar para cruzamentos e passes longos que não deram resultado. Até que no minuto final, Monstrinho fez grande jogada pela esquerda, driblando três zagueiros rente à linha de fundo até tocar para Paulinho, livre, praticamente debaixo do gol, apenas empurrar para o fundo da rede.

Na próxima rodada, domingo, 17/7, o novo líder Ceará terá pela frente o Genoplastic, que começou bem o campeonato, mas teve uma queda e hoje está no limite da classificação. O jogo será no Silveira às 11 horas. Às 13h30, também no Silveira, Vila do Sapo e América tentarão garantir a classificação com uma rodada de antecedência. Às 11 horas, no Maria Helena, o Sport Aldeia, que ainda luta para estar no G-8, terá que encarar nada menos que o Ganga, que venceu as quatro últimas partidas.

semaf5