Polícia prende acusado de matar engenheiro civil da Prefeitura em outubro

748

Gilberto Kiyoshi Kakazu, de 68 anos, foi morto a tiros no bairro da Casa Verde, zona norte de São Paulo

A polícia prendeu na última sexta-feira, 8/11, o acusado de matar a tiros no bairro da Casa Verde, zona norte de São Paulo, Gilberto Kiyoshi Kakazu, de 68 anos, o engenheiro civil que trabalhava como fiscal técnico da prefeitura de Barueri. A prisão em flagrante foi por receptação, mas na delegacia, policiais identificaram que se tratava do homem que matou o engenheiro.

Na ocasião, Gilberto chegou a ser levado para o Hospital Geral de Vila Nova, mas não resistiu. Por meio de imagens de câmeras de segurança é possível ver Gilberto caminhando pela rua Manuel Garcia, quando um indivíduo desce de um Fiat Palio e efetua dois disparos contra a vítima. (relembre o caso)

Desde então, a polícia vem procurando pelo autor do crime, que foi registrado como homicídio qualificado, no 13º DP (Casa Verde).  O acusado foi preso em flagrante na última semana por receptação. Após pesquisas, os agentes da polícia identificaram que se tratava do homem das imagens da câmera de segurança, procurado pela morte do engenheiro. A Justiça decretou a prisão temporária do acusado, que permanece detido por 30 dias.