Carnaval deverá ser de chuva e frio

484
- Publicidade -

De sexta, 21/2, a terça-feira, 25/2, expectativa é de queda na temperatura e chuva todos os dias

O feriadão de Carnaval deverá ser de chuva na cidade. A previsão é de que chova de hoje, 20/2, até terça-feira, 25/2, de acordo com o Climatempo. Na quarta-feira, 19/2, o temporal que caiu em Barueri deixou diversos pontos de alagamento (leia mais).

Para esta quinta-feira, 20/2, são esperadas pancadas de chuva à tarde e à noite, com um volume de 30 milímetros. Já a sexta-feira, 21/2, deverá chover durante todo o dia com expectativa de 40 milímetros de chuva. A temperatura cai com mínima de 21°C e máxima de 25°C.

Sábado, 22/2, e domingo, 23/2, também chove o dia inteiro, porém o volume de chuva deve ser baixo, entre 2 e 13 milímetros. O tempo esfria, com a mínima podendo chegar a 17°C no domingo.

O sol aparece com muitas nuvens durante a segunda-feira, 24/2, porém pode chover a qualquer hora do dia. Já no feriado, 25/2, a temperatura volta a subir e a chuva deve aparecer somente à noite. Mínima de 19°C e máxima de 29°C.

Para o restante da semana, a expectativa é de muito calor com pancadas de chuvas à tarde.

Inundações pela cidade

A chuva que caiu em Barueri na quarta-feira, 19/2, deixou vários pontos da cidade submersos. Quem estava no Jardim Silveira, que frequentemente tem as ruas do entorno da rodoviária tomadas pela água, foi surpreendido pela velocidade da subida da enchente. Essa foi a quarta enchente no local este ano, que alaga rotineiramente desde 2012. Comerciantes do entorno do terminal aguardam ressarcimento pela prefeitura de perdas provocadas por uma enchente em janeiro de 2019 (leia mais).

Na região central, as ruas ficaram completamente inundadas e deixaram pessoas ilhadas. Um ponto atingido foi a avenida Henriqueta Mendes Guerra, na altura da Farmácia Popular. A avenida Marginal Direita, no Jardim Paulista, perto do novo pronto-socorro, também ficou alagada em pouco tempo. Na mesma região da cidade, a avenida Aníbal Correia, no Parque Viana, também ficou submersa.

O sistema da CPTM parou de operar em vários momentos do fim da tarde e início da noite, prejudicando passageiros. Na estação Barra Funda, os trens circulavam com intervalo médio de 20 minutos, o que provocou grande concentração de passageiros na plataforma sentido Itapevi. O trecho entre Barueri e Jandira chegou a ficar totalmente interrompido.

Durante as fortes chuvas de verão, é recomendado que as pessoas evitem sair de casa; caso estejam na rua, procurem um local seguro em nível elevado; jamais fiquem próximo a árvores e tentem atravessar vias inundadas, seja a pé ou de carro.

- Publicidade -