Cemitério de veículos é encontrado às margens do Rio Tietê em Barueri

175
- Publicidade -

Carcaças de motocicletas são depositadas às margens e no leito do rio, na Jardim Santa Cecília, próximo à ponte do Rodoanel Mário Covas. DAEE, responsável pela área, deve providenciar retirada

Local, na Rua Angelin, Jardim Santa Cecília, por onde as carcaças são levadas até as margens do Rio Tietê. Foto: Reprodução Google

Um cemitério de veículos roubados foi localizado às margens do Rio Tietê, no Jardim Santa Cecília, nas proximidades da ponte do Rodoanel Mario Covas. Segundo o jornal Bom Dia SP, da TV Globo, foram encontradas inúmeras peças de moto e a suspeita é de que tenham sido levadas em um caminhão até o local de desova.

As carcaças, que incluem bancos, para-choques e quadros com a numeração raspada, característica de produtos roubados, são depositadas sobre as barrancas do rio através de picada aberta na rotatória da rua Angelin. Não apenas as margens mas também o leito do rio recebe o material abandonado.

Procurada pelo Barueri na Rede, através da Secretaria de Comunicação (Secom), a prefeitura informou, em nota assinada pela Secretaria de Serviços Municipais, que equipe enviada ao local apurou que, além das carcaças de motocicletas, também foram jogados nas encostas do rio material orgânico (mato roçado) e paletes de madeira. Ainda segundo a nota, a empresa responsável pelos paletes foi orientada a não mais despejar seus produtos sem uso no local. O mesmo será feito em relação aos responsáveis pelo material orgânico, assim que forem identificados.

Sobre as carcaças a nota afirma que “Departamento de Água e Energia Elétrica (DAEE) já adiantou que acionará a Secretaria de Estado da Segurança Pública para remoção. Caberá ao DAEE uma decisão sobre a retirada do restante dos resíduos, já que a área em questão é de seu domínio, e a Prefeitura não possui condições operacionais de realizar o serviço às margens do rio Tietê”

[sam_ad id=”17″ codes=”true”]

 

- Publicidade -