Barueri suspende aulas a partir do dia 23 por causa do coronavírus

6160
- Publicidade -
Atividades serão suspensas na rede municipal, sistema Fieb/ITB e maternais, além de outros serviços municipais
Medidas têm caráter preventivo no momento em que a epidemia pode iniciar ciclo de crescimento

A prefeitura de Barueri anunciou neste sábado a suspensão das aulas da rede municipal de ensino e do sistema Fieb/ITB e o funcionamento das maternais a partir de 23/3 como ação preventiva contra a pandemia de coronavírus. A decisão atende determinação do governo do Estado, que adotou a mesma medida para a rede estadual e para as escolas particulares.

No entanto, os alunos poderão deixar de comparecer às escolas já a partir de segunda-feira, 16/3, sem prejuízo na frequência. Durante a próxima semana, os pais poderão comparecer às unidades de ensino dos filhos para receber orientações sobre a doença e sobre a paralisação. Também podem aproveitar o período para encontrar a melhor forma de organizar a vida familiar sem as atividades escolares.
A recomendação é de que as crianças não sejam deixadas sob cuidados de avós ou pessoas com mais de 55 anos de idade, pois os idosos representam um dos grupos mais vulneráveis aos sintomas provocados pelo vírus e a taxa de mortalidade é maior entre eles.
O mesmo procedimento será adotado para outros serviços municipais, como as escolinhas esportivas, as atividades das secretarias da Mulher, Cultura e Desenvolvimento Social e o Parque da Maturidade.
A mesma decisão do governo estadual determinou o cancelamento de qualquer evento público ou particular que concentre mais de 500 pessoas e suspendeu por 60 dias as férias de funcionários da rede de saúde do Estado.
O balanço da contaminação pelo Covid-19 aponta que há 121 casos confirmados em todo o país. São Paulo é o estado com maior número de infectados. São 65 registros, sendo 62 na capital, um em Santana de Parnaíba, um em Carapicuíba e um em Ferraz de Vasconcelos. Deste o início da epidemia houve 752 episódios suspeitos e 545 descartados nas cidades paulistas.
- Publicidade -