Tadeu pega dois pênaltis e Oeste empata com Londrina

283

Goleiro coroou grande temporada defendendo cobranças de Dagoberto, ex-craque do São Paulo 

Graças ao goleiro Tadeu, que defendeu dois pênaltis, o Oeste empatou como o Londrina em 0 a 0 na Arena Barueri, no sábado, 10/11, e fica a dois pontos de garantir matematicamente a permanência na série B do Brasileirão, a duas rodadas do fim da competição. Agora o Rubrão tem 45 pontos, cinco a mais que o Paysandu, que hoje é o mais bem colocado entre os quatro últimos.

O Oeste sabia que teria um adversário difícil pela frente. O Londrina disputa ponto a ponto o acesso para a elite do futebol brasileiro e acumulava dez jogos de invencibilidade. Mas o rubro-negro precisava de vitória que lhe garantiria a permanência na série B.

E o Rubrão tratou de tomar conta do jogo desde o início. Logo aos 7 minutos, Mazinho quase abriu o marcador, mas o goleiro Vagner saiu bem e impediu o gol. Ainda assim, o time tinha dificuldade para levar perigo ao gol adversário e só foi criar outra real oportunidade aos 34 minutos, quando Vagner foi buscar no ângulo um lindo chute de Bruno Lopes de fora da área.

londrina02
O veterano Dagoberto perdeu o duelo para Tadeu/Fotos: Barueri Esporte Forte

O Londrina voltou diferente para a segunda etapa, mais ofensivo, e passou a acuar o Oeste. Tadeu começou a aparecer, primeiro em meia bicicleta de Dagoberto, aos 10 minutos, depois aos 25 minutos, quando fechou o ângulo e bloqueou arremate de Paulinho Mocellin.

Até que chegou o momento em que o goleiro ro Rubrão coroou sua grande temporada. Aos 33 minutos, Patrick fez pênalti em Mocellin. A cobrança ficou para o experiente Dagoberto, o mesmo que brilhou no Internacional, Cruzeiro e São Paulo. Ele bateu e Tadeu defendeu no canto direito, mas o árbitro mandou repetir alegando que o goleiro se antecipou. Na segunda cobrança, Dagoberto mudou de lado, mas Tadeu pegou novamente, dessa vez, encaixando a bola

Agora, o Oeste precisa de dois pontos nas duas últimas partidas do campeonato para se livrar matematicamente da ameaça do rebaixamento sem precisar do resultado de outras equipes. Na próxima rodada, o time tem outra parada dura, pois recebe no sábado, 17/11, às 17 horas, o Goiás, que está na terceira colocação da série B disputando uma vaga para subir. Depois, encerra sua participação dia 24/11, quando enfrenta fora de casa o Boa Esporte, já rebaixado.

Contra o Londrina, o Rubrão jogou com Tadeu; Adriano Alves, Joilson, Patrick e Conrado; Lídio (Bruno Lopes), Betinho, Rodrigo Souza e Léo Ceará (Felipe); Raphael Luz e Mazinho (Pedrinho).