Só dá Belval e Engenho nas semifinais do futsal

821

gols-de-mizinho

Mizinho vence Alê e marca o terceiro do Meninos, que se classificou para as semis

Aliança e River do Engenho Novo pegam Meninos da Vila e Grêmio nas semifinais do futsal

Quatro jogos disputados no ginásio do Reginalice, na tarde deste sábado, 21/10, definiram as equipes que vão disputar as semifinais do Campeonato Municipal de Futsal em 2017. Aliança e Grêmio confirmaram o favoritismo conferido por terem feito as melhores campanhas e eliminaram Vale do Sol e Fernão. Nos outros dois confrontos, quem jogou pelo empate perdeu e foi desclassificado. A atual campeã, Ponte Preta, perdeu de virada para o Meninos da Vila, enquanto o River goleou o Cola na Banca. Nas semi, os dois confrontos entre Engenho Novo e Belval: Aliança x Meninos da Vila e Grêmio x River.

Favoritismo confirmado

gremio
Grêmio ganhou do Fernão em ritmo de amistoso

O Grêmio podia perder por até três gols de diferença, mas ganhou do Fernão por dois a zero, gols de Juninho e Carlinhos, um em cada tempo. O jogo foi muito tranquilo, quase um amistoso, com o Fernão parecendo ter jogado a toalha desde antes de entrar em quadra, já que compareceu com apenas cinco atletas. Mas foi dele a primeira chance de gol, que poderia ter mudado a história da partida. Jonas apareceu livre, com apenas o goleiro pela frente, mas desperdiçou. Logo o Grêmio abriu o placar e o jogo ficou ainda mais morno, até o final.

A partida entre Aliança e Vale do Sol poderia ter o mesmo destino, já que a vantagem do time azul era ainda maior, se classificando até com uma derrota por cinco gols. Mas o Vale do Sol não se entregou em momento algum e foi premiado com uma despedida honrosa do campeonato. Kaká abriu a contagem logo de cara para o Aliança, mas Lobo empatou em seguida. Diego e Igor abriram 3 a 1 para o time do Engenho ainda no primeiro tempo. Depois do intervalo, Igor do Vale do Sol diminuo.  O Aliança parecia levar o jogo em banho-maria e mesmo assim ampliou para 5 a 2, gols de Juninho e Kaká, faltando pouco mais de seis minutos para o fim do jogo. Mas, com muito brio, o time do Vale do Sol foi para cima e fez quatro gols nos últimos quatro minutos de jogo, com Cesco, Sinho, André e Fernando, virando para 6 a 5. Foi apenas a segunda derrota do time comandado por Zoio.

Meninos da Vila 4 X 3 Ponte Preta: o jogo das confusões

saad
Saad marcou dois gols e comandou o Meninos da Vila na virada contra a Ponte

O encontro entre as duas equipes do Belval, com os atuais campeões jogando pelo empate, apresentou problemas ainda antes de começar. A Macaca entrou de camisas azuis, assim como o Meninos,  e fez valer sua condição de mandante da partida para fazer com que o adversário trocasse o fardamento. O Meninos foi para o vestiário e voltou com uniforme preto. Ato contínuo, os atletas da Ponte tiraram as camisetas azuis na quadra e ficaram com as alvinegras que levavam por baixo, causando revolta nos adversários e nas pessoas presentes ao ginásio.

Com a bola rolando, a Ponte logo abriu vantagem e aos cinco minutos vencia por 2 a 0, gols de Peru, artilheiro do campeonato até o momento. Atrás no placar, o Meninos passou a pressionar mas esbarrava na estupenda atuação do goleiro Alê. O panorama ficou assim até aos 14 minutos, quando Saad diminuiu para 2 a 1 com um tirombaço que acertou o travessão antes de entrar. Quando parecia que o Meninos iria dominar a partida, uma bomba foi lançada na quadra, vindo do lado em que sua torcida se encontrava.  Nova confusão e a partida ficou mais 23 minutos paralisada, esperando que a GMC mandasse uma guarnição para dar segurança, pedida pelos dirigentes da Macaca.

No retorno, a partida passou a ser extremamente disputada, com inúmeras oportunidades para ambas as equipes. Alê e o goleiro Igor, dos Meninos,  fizeram excelentes intervenções.

Aos dois minutos do segundo tempo, Saad venceu Alê novamente e empatou o jogo, resultado ainda bom para a Ponte. O Meninos se lançou a frente e virou com gols de Mizinho e Vevé, aos 14 e 17. O jogo parecia decidido, mas Leandro diminuiu aos 19 e Igor ainda teve que salvar o Meninos de um empate e da desclassificação antes do cronômetro zerar.

River goleia C.N.B. sem goleiro por 8 a 4 e vai à semifinal

river
River forçou o jogo aproveitando que o C.N.B joga sem goleiro de ofício

O Cola na Banca entrou em quadra com a vantagem de jogar por um empate, mas com a dificuldade de enfrentar seu adversário sem um goleiro de ofício. Seu titula Jeh está fora de combate até o ano que vem, por contusão, e o reserva Renan descobriu estar suspenso por três cartões amarelos quando foi assinar a súmula. O remédio foi começar o jogo com Paulinho, depois Juninho, jogadores de linha, como goleiro.

Para piorar a situação da equipe do Tupanci, Gabriel escapou sozinho e colocou o River na frente logo aos três minutos. O C.N.B. passou a jogar com o goleiro Juninho adiantado desde o início, trocando muitas bolas e conseguindo impedir a retomada de bola pelo adversário. O jogo ficou assim até ao 17 minutos quando Cris acertou um petardo de fora e empatou. Com o período inicial já no fim e com um resultado que favorecia, se esperava que o Cola na Banca passasse a jogar com mais cautela. Mas o time continuou com o goleiro adiantado e num bola perdida por ele aos 19 Gustavo chutou de sua linha de fundo e desempatou para o River.

Depois do intervalo o jogo ficou mais disputado, com o C.N.B. procurando o empate de forma mais conservadora o River testando o goleiro improvisado. Até que aos seis minutos o goleiro Fabrizio buscou Gustavo na área adversária e este enganou o goleiro e deixou passar direto, 3 a 1.

Novamente o Cola na Banca se lançou ao ataque e diminuiu em pênalti de Robinho em William que Cris bateu. Isso aos 28. O jogo esquentava, mas no minuto seguinte Renato bateu uma falta lateral em direção á área e Gabriel ampliou. Na sequência o próprio Renato marcou duas vezes e aumentou o placar para 6 a 2, aos 30, em bola recuperada no seu campo e batendo sem goleiro e aos 32 depois de grande jogada de Gustavo.  Veinho diminuiu para o C.N.B e Zóio fez extraordinária jogada, levando a bola da sua quadra e passando por três adversários antes de marcar o sétimo do River.

Ainda tinha mais. Aos 37 Veinho marcou seu segundo, 7 a 4, Gabriel deu números finais em outra bola recuperada em sua quadra e chutar sem goleiro.

Confrontos

Com os resultados deste sábado ficaram definidos os confrontos das semifinais: Aliança contra Meninos da Vila e Grêmio contra River. Duas decisões envolvendo times do Engenho e Belva, com vantagem para Aliança e Grêmio de jogar por dois resultados iguais e empate na prorrogação após o segundo jogo. Data e local das partidas ainda serão definidas pela Secretaria de Esportes, organizadora do campeonato.