Servidores municipais preparam ato para segunda

101

Funcionalismo organiza manifestação para a frente da prefeitura. Eles querem a revogação ou reforma dos planos de carreira e reajuste salarial

funcpref
Servidores municipais organizaram ato dia 2 de maio diante da prefeitura, quando colheram 700 assinaturas de apoio ao movimento/Fotos: BnR

Os funcionários públicos municipais organizam para a próxima segunda-feira, dia 30/5, um ato público para protestar contra os novos planos de carreiras do município e por reajustes salariais. A manifestação está programada para as 19 horas em frente à prefeitura.

Os servidores vêm se organizando desde o início de abril, quando criaram um comando unificado para o movimento formado por representantes das áreas de educação e saúde, dos guardas municipais e de patrimônio, das merendeiras, assistentes sociais e assistentes de maternais.

No dia 2 de maio eles realizaram uma coleta de assinaturas no centro de Barueri em apoio a suas reivindicações. A ação conseguiu cerca de 700 assinaturas ao longo do dia e terminou com um ato diante do Paço Municipal.

Notícias relacionadas:

Por direitos trabalhistas servidores municipais unificam movimento

Funcionalismo reúne 700 assinaturas de apoio

principal reivindicação do movimento é a revogação ou reforma dos três planos de carreira elaborados pela Fundação Getúlio Vargas a pedido da prefeitura e aprovados em março pela Câmara Municipal.

Segundo os trabalhadores, os projetos não preveem a possibilidade de crescimento profissional, mantêm o princípio de indicação política para escolha dos ocupantes de cargos de chefia e contêm a possibilidade de transferência compulsória de funcionários sem prévio consentimento.

A administração pública nega os três pontos e afirma que os funcionários não compreenderam corretamente os projetos.

[sam_ad id=”4″ codes=”true”]

Os servidores ainda reclamam um reajuste para repor perdas salariais acumuladas que, segundo eles, chegam 57%. No ato de segunda-feira, eles também pretendem discutir a introdução de outros pontos à pauta de reivindicações, como a ampliação de recursos para a Apae, a criação da União dos Estudantes de Barueri e até a redução de salários de prefeito, vereadores e funcionários comissionados de alto escalão.

O movimento tem percorrido os locais de trabalho para sensibilizar os trabalhadores a participar do ato de segunda-feira. Pelas redes sociais circula um panfleto intitulado “Dia 30 será maior!” convocando os servidores. “Compareça, pois sua presença é fundamental”, diz o texto.