GCM prende homem nu da Vila Marcia

305

Paulo Batista dos Santos, de 45 anos, catava papelão pelo centro e alegou fazer uso de remédios controlados. Polícia o encaminhou para avaliação psiquiátrica

Paulo Batista dos Santos, de 45 anos, andava sem roupas em um matagal na avenida Barueri Mirim/Foto: Secom

A Guarda Civil Municipal (GCM) prendeu na manhã de sábado, 2/11, o homem que andava nu na região da Vila Marcia. Ele era procurado desde a última segunda-feira, quando foi visto por moradores em uma área de mata na avenida Barueri Mirim, próximo da Estrada das Nações (relembre).

Segundo a Secretaria de Comunicação (Secom) da prefeitura, a GCM recebeu informações da população de que o homem circulava nu pela mata. As viaturas foram até o local e constataram que o suspeito estava sem roupas.

Ele foi identificado como Paulo Batista dos Santos, de 45 anos. De acordo com a Secom, Paulo catava papelão pelo centro da cidade. A GCM o encaminhou ao DP Central, onde o caso foi registrado como ato obsceno.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que, na delegacia, Paulo alegou que fazia uso de remédios controlados. Assim, a autoridade policial o encaminhou para avaliação psiquiátrica.

Desde a semana passada, circulava relatos de moradores da Vila Marcia de que Paulo, que ainda não havia sido identificado, andava nu dentro de um terreno abandonado e ficava se masturbando no local. Com a reclamação dos munícipes, a GCM aumentou o patrulhamento pela vizinhança.

Em março, uma jovem de 23 anos foi atacada e esfaqueada por um homem na Estrada das Nações, na Vila Marcia (relembre). A mulher estava em um ponto de ônibus, próximo a um matagal, quando foi surpreendida por Gesiel Florêncio de Lima, de 31 anos.

Gesiel fugiu, mas foi capturado na noite do mesmo dia do crime por investigadores da Delegacia da Mulher de Barueri (leia mais). A vítima ficou internada no HMB e não corria risco de vida.