Romu é a nova unidade tática da GCM

7043

O objetivo é reforçar o policiamento e tentar diminuir os índices de crimes na cidade

romu-3
Unidade terá a função de reforçar a segurança e diminuir o número de crimes na cidade/Fotos: Divulgação

Novas viaturas, novo efetivo. Uma nova unidade da GCM, a Ronda Ostensiva Municipal (Romu), passou a atuar em Barueri no começo de janeiro. Formada a partir da fusão do Grupo de Intervenções Táticas e Estratégicas (Gite) com o Pelotão de Apoio (PA), o contingente deve reforçar a segurança nas ruas e tentar diminuir os índices de criminalidade na cidade.

São 42 homens, 13 viaturas modelo Toyota/Hilux Sw4 que atuarão nos bairros onde há um maior número de crimes, como pontos de tráfico, por exemplo, Só em janeiro foram apreendidas quase duas mil unidades de entorpecentes – mais da metade no Jardim Júlio. Leia a matéria

A Romu também irá agir, de acordo com a assessoria de comunicação da GCM, ‘em ocorrências de grande vulto, apoiando as demais viaturas da guarda, e nos locais em que há uma maior incidência criminal, conforme os estudos realizados pelo Departamento de Gestão Estratégica (DGE) da Guarda Civil Municipal de Barueri’.

Os guardas selecionados para a nova unidade foram aqueles que têm perfil compatível com as atividades exercidas pelo grupo.