Ponte e Meninos vencem e jogam por empate para ir à final

592

Abertura das semifinais do campeonato de futsal deixou tudo aberto na luta por uma vaga na decisão

ponte-abre
Clássico do Belval teve virada da Ponte e reação do Cachueirinha no fim/Fotos:BnR

Ponte Preta e Meninos da Vila, ambos do Belval, venceram seus jogos na abertura das semifinais do Campeonato Barueriense de futsal e precisam de apenas um empate na segunda partida, marcada para sábado, 4/8, para conquistar uma vaga na grande final da competição. A Macaca fez 4 a 3 no Cachueirinha e o Meninos bateu o Aliança por 2 a 1.

O ginásio do Reginalice teve uma grande festa do esporte na tarde deste sábado. As arquibancadas encheram duas vezes para o dois jogos. As torcidas fizeram sua parte, cantando muito e promovendo um duelo de baterias. Em quadra, as equipes corresponderam realizando dois grandes jogos, muito disputados, mas limpos, e sem a tradicional pressão contra a arbitragem.

Cachueirinha se salva no fim

Na abertura da rodada, a Ponte Preta venceu o clássico do Belval contra o Cachueirinha por 4 a 3. O time da Rua da Bica foi superior no primeiro tempo, controlando as ações e desperdiçando uma oportunidade de gol atrás da outra. A Macaca marcava forte e buscava o contra-ataque, e também perdeu duas boas chances de marcar.

De tanto insistir, o Cachueirinha abriu a contagem aos 14 minutos, com Juan, que tinha entrado em quadra pouco antes. Mas a vantagem durou pouco. No minuto seguinte, Pedrinho empatou. O gol despertou a Ponte, que terminou o primeiro tempo melhor.

Para a segunda etapa, a Macaca manteve a superioridade, pressionou e virou o placar aos 6 minutos, com Biel. Nesse momento apareceu o futebol de Samarone, que tomou conta do jogo, foi gigante na defesa e desorientou a marcação adversária com um drible desconcertante e o passe do terceiro gol.

O Cachueirinha sentiu e a Ponte aproveitou para fazer 4 a 1, novamente com Biel. Parecia que o jogo estava liquidado e a Macaca levaria uma grande vantagem para a segunda partida, mas nos três minutos finais o rival achou forças para marcar duas vezes, uma com Cristian, cobrando pênalti, e outra com Juan, deixando tudo aberto para o jogo de volta.

Meninos surpreende Aliança

Depois de duas goleadas nas quartas de final, o Aliança, do Engenho Novo, entrou em quadra como favorito para enfrentar o Meninos da Vila, do Belval. E no começo do jogo tudo sugeria que o Azulão confirmaria sua condição. O time começou pressionando o adversário na quadra toda e logo passou a criar oportunidades, todas desperdiçadas.

alianca
Aliança foi para o tudo ou nada no fim, mas não conseguiu chegar ao empate

O Meninos se defendia com garra e tentava a saída rápida, mas teve pouco espaço para isso. Até que aos 12 minutos, num descuido da zaga do Azulão, Misinho recebeu livre pela esquerda, teve tempo de ajeitar e chutou sem defesa, abrindo o marcador.

Na segunda etapa, o Aliança foi para cima e acabou tomando o segundo gol logo aos 2 minutos, novamente de Misinho, em contra-ataque rápido. O Azulão, que já tinha optado pela pressão, apertou ainda mais o adversário e diminuiu aos 6 minutos, com Geovani.

Havia ainda muito tempo de jogo, mas o Aliança não conseguiu fazer valer o seu predomínio. O Meninos se defendia como podia, marcando forte e até apelando para chutões quando necessário. A equipe do Engenho chegou a criar várias oportunidades, mas elas esbarraram na zaga e no goleiro adversário, e também na má pontaria.

Cartões podem decidir

Nas partidas de volta, Ponte e Meninos se classificam para a final com um empate. Aliança e Cachueirinha precisam vencer por dois gols de diferença. Se ganharem por um gol, de acordo com o artigo 10º do regulamento do campeonato, a vaga ficará para a equipe que tiver menos cartões vermelhos nestas duas partidas. Em caso de persistir o empate, o critério seguinte são os amarelos nos dois jogos e, depois, sorteio.

Os jogos de volta serão realizados no sábado, 4/8, no ginásio do Parque dos Camargos. Aliança e Meninos da Vila abrem a rodada às 13h30 e Ponte Preta e Cachueirinha se enfrentam a partir das 15 horas.