Pedágios das estradas de São Paulo ganham radares

5377

Ainda não há previsão para instalação da tecnologia no Rodoanel e na Castello Branco 

Os veículos que ultrapassam a velocidade máxima permitida nas cabines de cobrança automática de três pedágios do interior de São Paulo estão sendo multados desde a madrugada do dia 11/1. Foram instalados radares com lombadas eletrônicas nas cidades de Jaú, Coronel Macedo e Boa Esperança do Sul.

Adoção de radar na Castelo Branco ainda não tem data

A fiscalização do limite de velocidade com lombadas eletrônicas visa a aumentar a segurança nas rodovias e evitar batidas traseiras e colisões nas cabines de pagamento automático, como por exemplo, em caso de falhas do dispositivo eletrônico instalado no veículo e que libera a passagem. Ao todo, já existem 12 radares como este em operação.

De acordo com a Companhia de Concessões Rodoviárias (CCR), ainda não há previsão para instalação da nova tecnologia nos pedágios da Rodovia Presidente Castello Branco e no Rodoanel, na Grande São Paulo.

O motorista que passar nas faixas de cobrança automática em velocidade até 20% superior à máxima permitida – que é de 40 quilômetros por hora – será multado por infração média. Se o limite for ultrapassado entre 20% e 50%, a multa será considerada infração grave, e torna-se gravíssima se a velocidade estiver acima de 50% do limite autorizado – com multa de R$ 880,71.

A autuação por excesso de velocidade, prevista no Código de Trânsito Brasileiro, será feita pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER).