Mocidade Marihá convida o público para uma noite no circo

314

Na segunda-feira de carnaval, a escola do Jardim Belval vai mostrar toda a alegria e fascínio do mundo circense

mariha2
Em 2017, previsão da diretoria é de que a agremiação dobre o número de componentes na avenida/Fotos:BnR

A escola de samba Mocidade Marihá convida o respeitável público para uma noite no circo na segunda-feira de carnaval. A arte sob a lona é o tema da agremiação para o desfile deste ano. “O circo tem tudo a ver com o carnaval, pois é cor, alegria e criatividade,”, explica Ronaldo Lucas, presidente da escola.

A própria ideia do enredo foi resultado de um lance de imaginação. Ronaldo procurou o compositor Claudemir Assis para que ele compusesse o samba para a escola, mas ainda não havia um tema. Ao mesmo tempo, chegou outro sambista, Serjão Afinidade, para fazer o mesmo pedido. Quando soube do que se tratava a conversa, brincou: “Mas isso é marmelada.” Imediatamente Claudemir respondeu, “esse é o tema, hoje tem marmelada… é circo”. Dali já saiu uma estrofe, os dois começaram a completar a letra, veio o refrão e no dia seguinte o samba-enredo está pronto.

ronaldo
Ronaldo, fundador e presidente: Fusca velho virou alegoria

Com a proibição dos animais, o circo ganhou outra dinâmica, os artistas tiveram que ser mais criativos para cativar o público, e é isso que vamos cantar”, diz o presidente. Ele pretende levar para a avenida 45 ritmistas, 3 alegorias e 200 pessoas fantasiadas. É o dobro do que a escola tinha em 2016, mas para Ronaldo, este ano está tudo mais difícil. “O regulamento está muito duro, com exigências de números de componentes e alas obrigatórias”, diz ele. “Isso vai ser ótimo para o público, mas as escolas estão tendo muitas dificuldades para cumprir os quesitos. Em 2016 foi bem mais simples”

A escola nasceu em junho de 2015 de divergências de concepção com a diretoria da Unidos do Belval. Quando começou a trabalho de retomada do carnaval, os sambistas do bairro se uniram em torno da Unidos, mas houve desacordo sobre como conduzir a agremiação. Assim, Ronaldo partiu para a fundação de uma nova entidade. “Mas não houve brigas, somos todos amigos e até colaboramos uns com os outros”, explica. Ronaldo passou mais de 20 anos na Unidos do Belval, onde foi diretor de bateria e carnavalesco.

mariha
Bateria da escola em 2016. Esse ano, serão 45 ritmistas

O nome da escola tem origem bíblica. A agremiação está sediada num dos bairros que formam o distrito do Jardim Belval, o Jardim Maria Cristina, popularmente conhecido como Morro do Piolho. Ronaldo queria dar o nome da vila para a nova entidade e ao estudar o tema encontrou a versão Marihá, para Maria, que, segundo ele, significa “senhora soberana” ou “rainha Maria”.

A escola luta desde o início pela sobrevivência. Ronaldo chegou a transformar um Fusca que tinha em alegoria para colocar a Mocidade na avenida no primeiro ano. “Fiquei sem o carro, mas estamos aí, na luta”, conta ele.

Mocidade Marihá – Desfila segunda-feira, 27/2, às 20 horas

Ensaios: quartas e sextas, das 19 às 22 horas, domingos, das 16 às 19 horas. Em frente à Arena Barueri (Rua João Villalobo Quero, 1001, Jardim Belval). Entrada grátis

Presidente: Ronaldo Lucas
Diretor de bateria: Mestre Johnny
Intérpretes: Thiago, Merli e Sérgio Afinidade
Porta-bandeira: Luana
Mestre-sala: Jonathas

Enredo: O circo

Autores: Claudemir Assis e Serjão Afinidade

Respeitável público,
A magia do circo está no ar
Estão nas cores azul e branco eh cobre essa cidade
Vamos voltar, a sorrir e brincar
Reviver a esperança a doce ilusão
A nossa escola e só felicidade
Vestida em fantasia, desperta realidade

Tem muita marmelada
Tem, sim senhor
Voltei a ser criança
Meu amor
Meu circo hoje abre as cortinas
Brincadeira e avenida jogo serpentinas

(bis)
Aqui no tablado do meu samba
Deixo a emoção te levar
Barueri! Sou Maria mariah
Alegria alegria
Nesse mundo diferente
Onde ser palhaço é ser boa gente

O sorriso é a receita
Para ser feliz
Venha aplaudir, e nunca deixe de sonhar
Maria Marihá está no ar

(bis)
Quero ver o teu sorriso
Amor!
Vem comigo, que o circo
Chegou!
Maria Marihá, de azul e branco
Sambista está no ar.