GRB/Hinode vence e está na semifinal da Superliga B

708

Barueri fez 3 a 0 no São Bernardo e garantiu o primeiro lugar da fase de classificação com uma rodada de antecedência

volei1
GRB foi superior ao São Bernardo durante quase todo o jogo/Fotos: Mário Trujillo

O Hinode/GRBarueri venceu o São Bernardo por 3 a 0 na noite desta terça-feira, 21/2, no ginásio José Correa, e garantiu o primeiro lugar na fase de classificação da Superliga B com uma rodada de antecedência. Com isso, o time já está garantido na semifinal da competição, sem precisar disputar as quartas de final. Foi a quinta vitória em cinco jogos no torneio, com apenas um set perdido.

voleizeroberto
Zé Roberto: desempenho aprovado

No jogo desta terça, o GRB sofreu um pouco no primeiro set. O São Bernardo tem jogadoras experientes e uma defesa que foi consistente no início da partida. “Elas sacaram muito bem, com precisão, e foram muito bem no passe”, disse o técnico José Roberto Guimarães ao fim do jogo.

O Barueri comandou o placar até o meio do set, quando o São Bernardo acertou uma sequência de bloqueios e virou o marcador em 17-15. Mas Zé Roberto pediu tempo e reorganizou o ataque. “Os bloqueios foram uma situação de jogo em razão da formação do nosso ataque momento”, explicou o treinador. O time se acertou e fechou em 25-23.

No segundo set, a superioridade do Hinode/GRBarueri apareceu. A levantadora Ana Cristina desequilibrou e o bloqueio começou a funcionar. O São Bernardo não conseguia jogar e o GRB levou o jogo com tranquilidade até fechar em 25-13.

A vantagem do time aumentou ainda mais no terceiro set. O Barueri logo abriu sete pontos de frente e levou o jogo como quis. Ana Cristina continuou bem, assim como o bloqueio, e o 25-9 mostra bem o que foi a parte final da partida.

voleierika
Érika: evolução física

Zé Roberto aprovou o desempenho, apesar das dificuldades do começo do jogo. “Elas tiveram quatro bloqueios naquele momento do primeiro set, nós tivemos 14 durante o jogo”, explicou. “O bloqueio é um fundamento em que temos crescido, contra o Bradesco foram 22.”

Para a capitã Érika, o GRB não deixou o adversário jogar. “Sofremos um pouco no primeiro set, mas depois fomos superiores o tempo todo”, disse. Ela também destacou a evolução de seu desempenho físico. “Sofri um pouco no começo, mas tenho evoluído muito e já estou em 80% das minhas condições”, afirmou. “Mas vou melhorar, afinal nós temos o melhor preparador físico do Brasil.”

O Hinode/GRBarueri encerra sua participação na primeira fase do torneio no dia 4 de março, quando enfrenta o Clube Curitibano, lanterna da Superliga B, em Curitiba. Depois, folga durante as quartas de final e espera seu adversário na semifinal da competição.

voleitabela