Família nega boatos sobre reaparecimento de estudante da Fieb

41130

Beatriz não é vista desde quarta-feira e polícia investiga das redes sociais sobre seu reaparecimento

beatriz2A família da estudante Beatriz Silva Souza, de 16 anos, desaparecida na manhã da quarta-feira, 25/4, ainda não recebeu nenhuma informação sobre ela. Beatriz sumiu depois de sair de casa, na Aldeia, para ir à Fieb do Alphaville, onde cursa o segundo ano do ensino médio. Ela usava uniforme escolar quando foi vista pela última vez por volta das 6h30, quando desceu do ônibus na alameda Rio Negro, no ponto ao lado da agência do Banco Itaú. 

A polícia está investigando o caso e solicitou as gravações das câmeras de segurança da região na busca por imagens que possam ajudar a esclarecer o que aconteceu a partir daquele momento. Na manhã da quinta-feira começaram a circular boatos de que Beatriz havia sido encontrada, mas a família nega. As falsas informações, inclusive, passaram a fazer parte das investigações policiais, pois há a suspeita de que possam estar sendo plantadas.  

Antes de desaparecer, Beatriz não havia dado nenhum sinal em casa de que poderia se ausentar. Não foi percebida nenhuma mudança de comportamento ou algum relacionamento real ou virtual diferente. Colegas da Fieb, no entanto, relataram à polícia que um adulto desconhecido vinha rondando a escola e tentando estabelecer contato com alunos. A polícia busca localizar esse homem.

A família pede ajuda a quem tenha qualquer informação que possa ajudar a encontrar Beatriz. Mensagens podem ser enviadas para o inbox do Barueri na Rede ou para o telefone 99904-7002, com Marcelo.