Detran/SP fecha desmanche irregular no Camargos

1800

Ação visou inibir furto e roubo de veículos, além de garantir a qualidade e legalidade dos produtos

Na última quarta-feira, 21/2, o Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran/SP) fechou um desmanche que funcionava ilegalmente no Parque dos Camargos. A ação contou com o apoio da Polícia Militar.

Motocicletas foram encontradas no local sem nota fiscal de origem. Além disso, o estabelecimento não estava credenciado para funcionamento. O proprietário agora responderá processo administrativo. O caso foi registrado no 1º DP.

Desmanches em cidades vizinhas, como Carapicuíba e Jandira, também foram fiscalizados, mas os estabelecimentos que foram vistoriados tinham o credenciamento regularizado. A ação visa inibir furto e roubo de veículos, além de garantir a qualidade e legalidade do produto.

A lei estadual nº 15.276 de 2014 e a lei federal 12.977 de 2015 estabelecem que para atuar com desmanche, é preciso ter credenciamento junto ao Detran. Podendo assim, participar de leilões para compra de veículos destinados a desmonte ou reciclagem de peças usadas.

O consumidor pode denunciar empresas de desmanche irregulares por meio da ouvidoria no site do Detran.SP, na área de “atendimento”.

Segundo a lista de desmanches credenciados no Destan/SP, em Barueri, há somente dois estabelecimentos autorizados a trabalhar no seguimento. Um deles fica na avenida Prefeito João Vilallobo Quero, 1.505, no Jardim Belval, autorizado a trabalhar com desmontagem de veículos e de comercialização das respectivas partes e peças; e o segundo fica na Vila Engenho Novo, rua Cidade de São Paulo, 105 e tem credencial de recondicionadora de partes e peças de veículos.