Alunos do ITB do Paulista denunciam barata em achocolatado

2079

Fieb informou que a situação está sendo devidamente averiguada e que se trata de um caso isolado 

Alunos relataram inseto dentro do chamado ‘chocoágua’/Foto: Redes sociais

Alunos do ITB Profº Munir José, no Jardim Paulista, relataram na última quinta-feira, 20/6, que encontraram uma barata em um copo de achocolatado. Por meio de uma publicação nas redes sociais, os alunos denunciaram o caso. “O ‘chocoágua’ cada dia mais melhorando, até barata tá vindo. Continuem bebendo gente”, dizia a publicação.

De acordo com um aluno da unidade, que não quis ser identificado, até onde se sabe o caso não foi levado à direção da escola, mas ocorrem situações parecidas. “Já foi reclamado diversas vezes sobre cabelos nas comidas e nunca aconteceu nada”, contou ao Barueri na Rede

As funcionárias da cozinha só utilizam a touca quando é dia de supervisão”, alega. “Algumas até utilizam, agora tem outras que não usam mesmo”, diz. “Inspetores já falaram até pra gente [alunos] mesmo, elas [funcionárias da cozinha] só usam touca quando a diretora está na escola”, revela.

“A minha visão de aluno é que essa escola deveria ser mais visitada pela vigilância sanitária”, conclui o estudante. O BnR procurou a Fieb, que em nota por meio da Secretaria de Comunicação (Secom) da prefeitura, esclareceu que estão cientes do ocorrido e ‘que a situação está sendo devidamente averiguada’.

A nota diz que o princípio da higiene e limpeza ‘é prioridade em todas as unidades escolares’ da Fieb e que ‘as cozinhas atendem aos padrões especificados pelos órgãos competentes, obedecendo um protocolo de limpeza e higienização, além de um cronograma frequente de controle de pragas pelo qual é submetida’.

Por fim, informa que ‘por se tratar de um caso isolado, a Fundação, preocupada com a saúde dos nossos alunos, permanece vigilante buscando a elucidação dos fatos’.