Barueri terá radares e lombadas eletrônicas em cinco pontos

16397

Licitação prevê a instalação de equipamentos de fiscalização de velocidade, avanço de farol e parada em faixa de pedestre

Barueri terá radares fixos, assim como lombadas eletrônicas, espalhados em cinco pontos da cidade. A licitação, de concorrência pública nº 39/2018, para escolha de qual empresa irá fazer a locação, instalação e manutenção dos equipamentos eletrônicos será concluída na próxima segunda-feira, 20/8.

O projeto prevê as vias onde serão colocados os radares, com brecha para alterações necessárias conforme análise do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran). Os locais serão o Jardim Silveira, na Rotatória do Soldado no encontro das avenidas Exército Brasileiro e Municipal, a Aldeia de Barueri, na rua General de Divisão Pedro Rodrigues da Silva – em frente ao Parque Shopping Barueri – e a Vila São Silvestre, no cruzamento das ruas Almeida e Antônio Saviano com a Estrada dos Romeiros.

Já as lombadas eletrônicas ficarão no Alphaville, no encontro das avenidas Yojiro Takaoka e Alphaville – próximo à Copacabana – no 18 do Forte, e na Av. Dr. Dib Sauaia Neto (Via Parque) próximo à alameda Surubiju.

Também estão especificados os tipos de infrações que os aparelhos fixos fiscalizarão, como velocidade acima do permitido na via, avanço de sinal vermelho, parada sobre a faixa de pedestre, transitar em ciclovia ou faixa exclusiva para ônibus e efetuar ultrapassagem em local proibido. Os equipamentos realizarão a checagem simultânea de uma ou mais infrações.

Já as lombadas eletrônicas detectarão velocidade superior à máxima permitida e passagem em ciclovia ou faixa exclusiva para ônibus. Neste caso, as lombadas terão ao lado um display informando ao motorista a velocidade em que ele está, além de luz verde, amarela e vermelha para indicar que o veículo está, respectivamente, dentro do limite, entre o limite e a tolerância e acima do limite.

A ação de implantar dispositivos de fiscalização no trânsito – o que até então não tem na cidade – faz parte do programa do governo estadual Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, com o qual Barueri assinou convênio em março de 2017 (relembre). Com a adesão, o compromisso é diminuir pela metade o número de mortes em acidentes de trânsito até 2020.