Bailarinas do Núcleo de Dança ganham sete prêmios em Festival

409

Com idades de 7 e 14 anos, elas levaram prêmios no 15º Festival Etoile. Além disso, a diretora Ariane Anderaos, também ganhou um prêmio

Por Ingrid Miranda

Durante o ano, as bailarinas do Núcleo de Dança costumam fazer apresentações no TMB./ Fotos: Arquivo Pessoal
Durante o ano, as bailarinas do Núcleo de Dança costumam fazer apresentações no TMB./ Fotos: Arquivo Pessoal

O Núcleo de Dança de Barueri conquistou ao todo, no último dia 17/3, sete prêmios no 15º Etoile Festival de Danças, em São Paulo. O concurso é conhecido por abrir espaço para academias e grupos de danças de São Paulo e região, para incentivar a prática da arte na dança. As bailarinas têm idades de sete e 14 anos.

A bailarina e professora Ariane Anderaos: prêmio de coreografia
A bailarina e professora Ariane Anderaos: prêmio de coreografia

O Núcleo de Dança existe desde março de 2017 e para Ariane Anderaos, formada bailarina clássica e professora pela Escola Nacional de Ballet de Cuba; e diretora do projeto desde a sua criação, as crianças, mesmo muito novas, já sabem lidar com as responsabilidades envolvidas ao participarem de um festival como o Etoile.”As crianças se comportam muito bem nos festivais e apresentações, pois no dia a dia já são cobradas bastante quanto a disciplina e concentração nas aulas.”

“Desde o ano passado, nós do Núcleo, estamos preparando as coreografias que foram apresentadas no Etoile. Foi um ano de muitos ensaios e aulas intensificadas por conta do Festival. As crianças mesmo em meio as responsabilidades demonstram muito orgulho por representarem Barueri”, revela Ariane com entusiasmo ao Barueri na Rede.

Ao todo, o Núcleo de Dança participou do festival com oito coreografias, conquistando sete prêmios, entre eles, seis pelas bailarinas e um de coreografa em destaque para a diretora do Núcleo, Ariane Anderaos.

O Núcleo é dirigido pela coreografa e professora, Ariane Anderaos desde a sua criação, em 2017./Fotos: Divulgação
O Núcleo é dirigido pela coreografa e professora, Ariane Anderaos desde a sua criação, em 2017/Foto: Divulgação

O Núcleo alcançou as seguinte premiações: 

1° lugar trio clássico “Guerra de Almofadas”; 1° lugar conjunto clássico infantil “Em cima, Embaixo”; 1° lugar conjunto clássico juvenil “Cenas para Degas”; 2° lugar solo infantil “Numa Tarde Fria”; 2° lugar conjunto clássico júnior “Escravos de Jó”; 3º lugar solo clássico juvenil “Lembranças”; Prêmio coreógrafa destaque pela coreografia “Em Cima, Embaixo”,  Ariane Anderaos.

Gabriela,
Gabriela, de 11 anos, é umas das bailarinas que ganharam o prêmio

Simone Garcia, mãe de duas bailarinas do Núcleo, Manuela e Gabriela, de 9 e 11 anos, conversou com o BnR e contou como foi sua expectativa e das meninas para o festival. “A Manuela não esteve no festival, mas a Gabriela, que participou , ficou muito feliz com o resultado. Ela e suas colegas ganharam o prêmio em 1º lugar com a coreografia Em Cima, Embaixo. Nós mãe, que acompanhamos toda a preparação das meninas, ficamos bastante empolgadas durante as apresentações. Cada prêmio que Barueri ganhava, era uma tremenda empolgação e euforia da plateia, onde estávamos sentados”, conta Simone.

“Antigamente, as crianças eram muito imaturas nesta idade. Hoje, vejo a Gabriela, mesmo com 11 anos, tratando a dança com muita seriedade. “As duas não aceitam faltas aos ensaios por nada e muitas vezes, os lanches que mando pra elas, voltam para casa e quando pergunto o porquê, elas me respondem que estavam concentradas e não sentiram fome”, termina a mãe.

As aulas do Núcleo de Dança de Barueri, são ministradas na Casa de Oficinas, localizada na Rua Ministro Raphael de Barros Monteiro, 225, Jardim do Camargos, ao lado do TMB. Sempre que disponíveis vagas para participar do Núcleo de Dança, é divulgado pela Prefeitura de Barueri.