Atleta do vôlei sentado de Barueri conquista medalha pela seleção

211

 Leandro Henrique, do time de vôlei sentado de Barueri, jogou pela Seleção Brasileira no Mundial de Vôlei Sentado na Holanda, e conquistou, junto como time, a medalha de bronze

A Seleção Brasileira de Vôlei Sentado disputou o Mundial da modalidade, no último domingo, 22/8, na cidade de Amhem, na Holanda. No time que garantiu a medalha de bronze estava o atleta paraolímpico de Barueri, Leandro Henrique, de 33 anos. A seleção Brasileira garantiu o resultado em cima da Ucrânia por 3 sets a zero, e ficou com o terceiro lugar.

A seleção brasileira de vôlei sentado, conquistou o terceiro lugar do mundial da modalidade, na Holanda.
A seleção brasileira de vôlei sentado, conquistou o terceiro lugar do mundial da modalidade, na Holanda.

Em conversa com o Barueri na Rede, Leandro relembrou a emoção de domingo durante a disputa pelo mundial. “No jogo contra a Ucrânia, na Holanda, minha maior sensação foi a de euforia, antes e durante a disputa. Depois da colocação em terceiro lugar e a medalha de bronze, fiquei com a sensação de dever cumprido, e depois disso foram só sorrisos e lágrimas de alegria”.

O atleta contou como, além da satisfação com o título, o esporte proporciona uma alegria constante. “Conheci a modalidade em 2009, mas só comecei a treinar com frequência a partir de 2012. O vôlei depois da minha família, é como uma parte de mim. Sinto prazer com a prática esportiva e aprendi a apreciar a modalidade”, ressalta.

O voleibol para atletas com deficiência entrou nos Jogos Paraolímpicos como uma espécie de demonstração, em 1976, em Toronto, no Canadá, e hoje no Brasil é organizado pela Associação Brasileira de Voleibol Paralímpico (ABVP). Em quadra, há algumas mudanças em relação à prática convencional, como a rede que tem cerca de 1,5 metros na modalidade masculina, e 1,05 metros na feminina, além de um campo de 10 x 6 metros, com linha de ataque de 2 metros.